domingo, 20 de maio de 2012

Uma análise do filme "Marte Ataca!"

Todo mundo que conhece o Tim Burton gosta de seus filmes.
Além de seus filmes macabros, acabou se metendo em filmagens meia-boca, como a refilmagem de Planeta dos Macacos, a produção de Batman Eternamente, e voltou ao sucesso com Marte Ataca!, A Fantástica Fábrica de Chocolate e Noiva-Cadáver.
Hoje, vou mostrar como sou bonzinho e darei uma análise completa de Marte Ataca!
Não tão completa, só uma breve explicação dos fatos que acontecem no filme.
Vamos lá!
O filme foi baseado na série de cards de mesmo nome, feitos pela companhia Topps, responsável pelas coleções Dinosaurs Attacks! e The Garbage Pail Kids. Segundo Burton, é uma paródia aos filmes trash dos anos 50, como Plano 9 do Espaço Sideral, Invasores de Marte, It Came from Outer Space, Guerra dos Mundos, Target Earth, Invasion of the Body Snatchers, e Earth vs. Flying Saucers.
Entre esses filmes, Burton também parodiou Independence Day.
O design dos marcianos foram feitos pela Industrial Light & Magic(ILM), que também fez efeitos especiais para os célebres Jumanji, Guerra nas Estrelas, Jurassic Park, Total Recall e Poltergeist.
Agora os marcianos possuem um visual bizarro, são sádicos, magricelas e usam lasers que desintegram pessoas.
E além disso, eles só pronunciam a monossilábica palavra "Ack!", mostrando que não precisa falar demais para dominar o mundo.
A história do filme é meio batida e já é um clichê: marcianos invadem a Terra matando os terráqueos e fazendo do nosso planeta seu parque de diversões. Entre os heróis há o "competente" Presidente Dale (o veterano Jack Nicholson), Richie Norris (Lukas Haas, um sósia do Ashton Kutcher), Taffy Dale (a pequenina Natalie Portman) e Florence Norris (Sylvia Sidney, a secretária de Beetlejuice). Grandes astros como Jack Black, Glenn Close, Pierce Brosnan, Danny DeVito e até mesmo o Tom Jones!!!
Pra mostrar que não estão brincando, os marcianos atacam todos os lugares com suas naves espaciais.
Aliás o que me fez mais rir foi a fraqueza dos marcianos.
A cabeça deles explodem se ouvirem música country!!!
Sim, você leu direito!!!
Fico me imaginando se eles colocassem uma música da Jennette McCurdy numa possível refilmagem, garanto que seria uma humilhação por parte da cantora.
Aliás, a música que eles não podem ouvir é a famosa Indian Love Call, do Slim Whitman.
E então, quase no fim do filme, os caipiras põem a música pra tocar e os marcianos acabam pegando a sintonia da música, resultando em cérebros explodindo pra tudo que é lado em um brilhante efeito especial.
E Danny Elfman arrasou nas músicas de ficção-científica, ficaram ótimas!
Não sei porque muita gente odeia esse filme. Pra mim ele supera o que o terrível The Garbage Pail Kids Movie fez.
E o humor inquieto e sombrio do Tim Burton mescla com esse filme futurista, que é 100% fiel à coleção de cards.
Claro pode ter um deslize burlesco ali, mas não é nada grave o suficiente para destruir o grande humor dessa paródia de filmes trash relacionados à invasões alienígenas.
Nota do Jacob: 8.5 (Ótimo filme com história simples, e com efeitos visuais bizarros e cômicos)
Bazinga!

Nenhum comentário:

Postar um comentário