domingo, 29 de abril de 2012

Filmes ótimos que nunca ouvimos falar (ou não nos lembramos)

Acreditem se quiser, mas houve um tempo em que alguns filmes eram lançados diretamente em DVD.
Diga-se de passagem, alguns são tão ruins que acho que os diretores não queriam pagar esse mico, então eles não tem outra escolha a não ser lançar direto pra DVD, o que não é surpresa.
E é por isso que não tivemos a chance de ver Purple Rain nos cinemas.
...
É sério, é um filme bom!
Mas fique a vontade pra discordar e me mandar ir pra puta que pariu.
Bom, o artigo de hoje fala sobre filmes que já vimos uma vez, mas esquecemos em um momento da vida.
E espero que fiquem mais putos quanto eu estou.
A Farsa dos Pinguins
Começando com esta pérola engraçadíssima que tira sarro do documentário A Marcha dos Pinguins. Claro, um filme com essa premissa não seria novidade, afinal, pinguins migram para o lado mais frio da Antártica só pela farra.
Narrado por Samuel L. Jackson, o filme conta com celebridades de respeito como: Dane Cook, Jason Biggs, Jamie Kennedy, Jason Alexander, Damon Wayans, Tracy Morgan, entre outros.
É como diz a tag-line do filme: O que acontece na Antártica... Fica na Antártica.
Blankman
Este filme é hilário!
Faz paródia da colorida série do Batman dos anos 60, até Besouro Verde e o gibi Homem-Aranha.
Damon Wayans (na sua fase pré-My Wife and Kids) interpreta um nerd que, ao criar acidentalmente um tecido à prova de fogo, se transforma num super-herói que usa desde utensílios de cozinha (como um batedor de claras de ovos) à uma máquina de lavar antiga que usa peruca azul, lanterna e boné.
Pra piorar, ele convence o irmão a ajudá-lo no combate ao crime, e contra a sua vontade, decide se transformar no "Outro Cara".
O filme faz paródia de tudo, até mesmo daqueles ângulos de câmera que foram usadas várias vezes em Batman.
Tão divertido quanto o filme do Double Dragon.
Uma Cidade chamada Pânico
Este filme francês merece uma conferida.
Pois bem, é baseado nos vídeos do YouTube chamado Panique au Village, que conta a história de um cavalo, um índio e um cowboy. Os três são melhores amigos, mas o Índio e o Cowboy esqueceram da festa de aniversário do amigo Cavalo. Quando eles decidem dar uma churrasqueira ao bucéfalo equino, merda acontece e a casa é reduzida a tijolos. O trio ainda se mete em várias roubadas, onde até o Cavalo mata a aula de piano (!!!) porque está no centro da Terra.
Pois bem, o filme é totalmente em stop-motion, e faz paródia de Psicose, Inferno na Torre, O Pianista, A Marcha dos Pinguins e Viagem ao Centro da Terra: O Filme.
Pra quem não conhece a série ou o filme, basta procurar no YouTube.
Claro, não será eu que dará os links.
Fred: O Filme
Meu Deus, esse filme me entristece.
Não só pela perda de tempo (e noção), mas sim pelo fato de terem queimado o filme da minha musa, a Jennette McCurdy.
Bom, este filme é baseado em um personagem do YouTube, cuja voz é semelhante a de esquilos irritantes que sabem cantar músicas mais antigas que o Bob Dylan, peidar e receber felação de uma "chipette".
Sério, isso aconteceu em uma paródia de Se Beber, Não Case feita em Alvin e os Esquilos 2.
Enfim, filmes baseados em "celebridades" da internet não dão certo, mas acho que o diretor não conhecia a "obra de arte" na qual estava adaptando.
Graças a Deus, o filme foi odiado (e a sua sequência, Fred 2: Night of the Living Fred é deplorável) e Jennette McCurdy ficou tachada lá só por atuar em filmes meia-boca, como Hollywood's Homicide.

Enfim, isto é tudo que tinha falar hoje.
Terminado às 05:02 da manhã, este artigo traz meu retorno e prova que sou o Batman!
Se ele pode ficar acordado à madrugada inteira, porque eu não posso?
Shadaloo!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário